Dica importante: Respeitem os comentários alheios, não ofender. Se quiser fazer alguma critica ou sugestão, faça de maneira construtiva, e não agressiva.INTERAJAM para que o blog fique mais interessante! A participação de vcs, o público alvo é muito importante! Comente, envie sugestões de temas que gostaria que fossem abordados no blog, enfim, dê a SUA contribuição! Obrigada!

Videos interessantes

Loading...

sábado, 18 de junho de 2011

Preconceito com as garotas bofinho





 Garota modelo do blog "Partes de mim"





Puts, se tem uma coisa que anda já me enchendo a paciencia é o preconceito com algumas bofinhos, ou delas entre si mesmas ou geral! É um preconceito muito filho da puta mesmo kkkkk!!!! Enfim, nem todas são extremamente masculinas ou machistas ou “machinho” , e para falar a verdade, eu DETESTO o termo usado no masculino e  também a palavra butch! Acho muito agressiva, remete a idéia de que elas se acham, precisam parecer  ou querem pagar de homens  e devo  dizer que não concordo quando usam termos no masculino como se fossem garotos e não mulheres. Pra começar, partindo se do pressuposto de que se trata de lésbicas , que são mulheres que curtem seu genero biologico e  que gostam de mulheres,  logo elas são mulheres e devem ser tratadas como tal,  independente do estilo.  Temos que aprender a separar o estilo do genero.  Vamos acabar com alguns mitos e estigmas?



Ø Nem toda bofinha é ativa. Algumas na verdade se permitem ser tocadas, são relativas e ficam com garotas meio termo, não só com ladies.  Essa coisa  de querer ser a ativa pode ser uma forma de não se sentir tão vulneravel, tipo “mulherzinha” demais, ai querem parecer duronas.  Mas  isso é  bobagem e algumas é pura fachada. Alem do mais,  entre mulheres não precisa haver um papel determinado.  

Ø Nem todas transam de top ou cueca. Algumas preferem se entregar por inteiro para suas amadas e ficam nuazinhas! Particularmente comigo tem q ser assim, gosto de sentir a menina o maximo que eu puder.


Ø Nem todas são machistas ou machonas. Algumas podem ser bem delicadinhas, até  mais que algumas ladies.


Ø Nem todas ficam só com lady como ja disse. Ha  bofinhas que se interessam por outras, e é a coisa  mais natural do mundo! Não comparando, mas se dois gays é lindo e fofo , pq não duas bofes?

Ø Nem todas querem ser homens. Muitas  até adoram ser mulheres e tem os mesmos conflitos internos que qualquer outra mulher, são sensiveis, sofrem por alguem que amam, choram, se preocupam com a aparencia,  tem TPM , tem menstruação e logico, também sofrem e reclamam de cólicas, e algumas são até mães biológicas, fato!!!    

Ø Nem toda bofinha tem voz grossa ,grave ou indefinida! Alias acho alguns graves femininos muito sexys e particularmente me excitam, algumas ladies tambem podem ter voz grave, essa coisa da voz nao as faz mais masculinas, em nenhum dos dois estilos de mulher. Enfim, apesar de a maioria ter um padrão vocal digamos mais potente (seria voz de “sapatão” kkkkkk), alguas bofinhas  tem  a voz extremamente feminina e fina, o que eu tb acho meigo.

Ø Elas sao mais pegadoras sim, sao meio safadas e cara de pau, mas quem disse que algumas ladies tb não sao? Mas podem existir bofinhas fieis e até meio trouxas tb na mao de algumas ladies espertas q se beneficiam em favor de um paixão desenfreada por parte delas né ...  assim como existem as bofilhas da puta kkkkkk (manja o trocadilho?) existem as ladies safadas e possessivas  tb. O que vejo é muita lady sendo a bofe e ‘mandando nessa porra’ mais do q elas e elas sendo as ovelhinhas submissas,  e news flash: isso tb é sinal de passividade, pra aquelas que gritam pro mundo  “eu sou ativona viu!” olha, eu no to dizendo que elas tem q mandar, to dizendo que nao é da maneira q elas falam, e  q igualdade é o suficiente, mas já q é pra ser submissa deixa a lady mandar um pouquinho na hora do sexo tb, vai!!!  

  Algumas se  vestem  daquela forma simplesmente por sentirem se mais confortaveis, e outras talvez para serem mais aceitas pela sociedade, vai de cada uma. 


Pra falar a real, no meu ponto de vista, não é preconceito, e não tenho nada contra elas, mas realmente não vejo sentido em certas atitudes.   Exemplo: Arrumar briga por nada, estupidez e agresisvidade desnecessarios. Ao meu ver só é necessario emgrossar com alguem se alguem realmente te tira do sério, não por diversão, agir feito um playbozinho que não tem o que fazer! 


Outra coisa que não gosto, é tratar a outra como propriedade e grosseria, enfim, peg ar as piores atitudes dos homens. Por essas e por outras que algumas ladies falam que “pra sair com uma tipa dessas é melhor sair com um homem logo! “ não curto tambme quando falam de si no masculino, é como negar a propria sexualidade. Nesse caso ja nao seria mais uma bofinha e sim uma transsexual. Tambem nao concordo quando falam que ah não vou sair com outra bofe pq dois bofes num rola! Aff, idiotice total!!! Tão reforçando ainda mais o preconceito das ladies, que vcs tanto veneram, não percebem que assim estão afastando –as de vcs, pq o preconceito  ja começa dentro de vcs mesmas! Não custa pensar um pouco pra falar certas coisas, né?! Na minha opinião, partindo-se do pressuposto de que bofinha é mulher,  e vcs batem tanto o pé dizendo que “é só a roupa e o estilo, apenas me sinto confortavel assim, mas mora uma mulher dentro de mim” sim, pq eu ja ouvi isso diversas vezes....  não basta dizer, as atitudes também falam!  Vcs querem ser vistas por elas (ladies) como um etilo diferente de mulher, bom, façam por merecer! Se é apenas questao de preferencia, esse é  o argumento mais cabivel, mas a regra deveria valer tb pras suas “semelhantes” as outras bofinhas.  E digo mais: as bofinhas que curtem outras, AMEM, mas amem mesmo, curtam e não tenham vergonha de dizer que amam e sao apaixonadas por outra bofinha, afinal é mulher! Tenho um video de duas americanas q são namoradas, são estilo dyke e muito felizes! Não existe muita frescura entre as gringas nesse ponto, se gostam gostam e pronto, ng tem nada com a vida delas.
 Nesse video essa de oculos é o tipo de guria q me atrai, e lembra (na verdade ela é a cara)  da primeira q eu me apaixonei rs



Algumas curiosidades pessoais:


 Para mim particularmente, eu consigo ver a doçura no olhar, nas palavras, sentimentos  e atitudes  de algumas e sim consigo enxergar uma feminilidade debaixo daquelas roupas e em seus traços faciais o que  as torna mais atraentes! O toque também costuma ser feminino, ou seja, delicado  em algumas, digo jeito de tocar mesmo, a suposta “pegada”.  Acredito  que possam beijar delicadamente sim. Algumas tem as maos suaves sim e pequenas, e sim, usam esmalte, sutiã e até bikini! Pronto, eu pago o maior pau pra algumas nesse estilo, falei! Ai só de falar essas coisas fico até meio excitadinha.... ai ai ... *_* mas curto tb as q nao  usam batom... tipo esse contraste do ser moleca (e nao um moleque) com essa delicadeza, acho que isso q atrai tb. Mano, vc sabe que é uma mulher que tá te tocando, te 
dando prazer, te dando proteção.

É obvio que existem diferenças gritantes entre elas e os homens, inclusive vou até pegar um  trecho  de uma colocação de outro blog  (Lady com bolacha) que eu achei mega interessante:  As roupas escondem curvas que só sua amada sabe que existem…”  , A pele é macia, o toque é suave e cheio de atitude.” Já deu pra sentir né? A bofinha tem algo no rosto q é  diferente, o rosto é  mais liso, mais delicado, a pele é mais macia, os traços faciais e no resto do  corpo são mais delicados q dos homens. Alem  mais a pele não tem pêlos grossos  como os dos homens ou quase não os tem. Fora q pensa, tem coisas ali impossiveis de se ignorar, haha e eu particularmente não ignoro, eu olho com vontade, haaaa os SEIOS !  aff eu fico pagando mó pau, babando nos seios de algumas bofinhas, geralmente ou são avantajados nas mais cheinhas ou pequenos, mas rigidos, bem definidos, bem arredondadinhos e o melhor, naturais! Raramente ou nunca vc vai ver uma bofinha usar  silicone, o que é comum entre as ladies, especialmente as bi (é  q eu particularmente nao gosto muito, apesar de ficar bem em algumas)   E  meu, convenhamos, algumas  tem umas curvas bem generosas, assim como as das ladies;  boca, lingua,   mãos, braços, peitos, bunda, cintura e barriguinha, coxas, quadris,  pernas lindas ... são muito gostosas mesmo!  Em suma, pra mim a beleza feminina delas é exotica e natural, é  isso que me atrai. Outra colocação que confirma o q eu disse ha poucoO corpo de um homem é muito diferente em diversos aspectos. A pele, o cheiro, a barba, o sexo, o cabelo, os músculos, a voz, as mãos, o jeito é completamente diferente de uma mulher. E o que faz delas especiais e sedutoras é exatamente saber disso e usar isso ao seu favor.”  Mas sim, as bofinhas podem ter alma feminina, e muitas tem, pode acreditar, justamente por se assimilarem como mulheres. Confesso que  apesar de gostar de saia, sandalia e brincos (pequenos) ja me vesti assim e curto cuequinhas femininas e perfume masculino (quando viajem pros EUA em outubro de 98, era um bofinho sem perceber, até porchete eu usava),  e  nunca me senti macho por causa disso, pelo contrario, me dava prazer saber q as vzs  uso boné, camisa polo e bermuda  jeans e tenho seios e vagina, hihihi! Isso não muda nada, apenas me sinto confortavel, mas sou mais feminina. Na verdade eu sou meio termo e relativa, mas consigo entender a alma e essencia de certas garotas bofinhas ou pseodo bofinhos (a sapa gay, bicha, viada, menininha, girly  ou o q vcs quiserem chamar, desde que carinhosamente).  Vejam o video ‘dyke & dyke’ q eu postei outro dia, vejam como é lindo o amo entre duas  garotas de cabelos curtinhos e levemente molecas.  E uma mensagem final pra vcs: não é o jeito q eu me visto que define meu jeito de amar ou se preferirem, meu jeito de ser na cama! Quando se gosta da pessoa, se aceita e a valoria como ela é. Acho  na cama todo mundo é igual, dorme de olhos fechados kkk!  Mas pra algumas bofinhas do meu coração,  to muito ai pra vcs, vcs sao uma graça, fascinantes mesmo!

No filme “desejo proibido” (if these walls could talk/ se essas paredes pudessem falar) na 2ª historia (Chloe Sevigny e Michelle Williams), fala do preconceito contra as bofinhos, o final é uma graça assistam!  Ah e claro, me lembrie também de outro que eu super recomendooo, Bond (Ligadas pelo Desejo) onde Violet é a lady e Corky seria a bofinho, mas meu, assiste a cena de amor delas e dá um look bem dado... quem é a passiva na historia? Vou deixar pra vcs verem e eu digo que ja pirei MUITO com aquela cena!


Algumas fotos de dykes que achei o maximo!

 
ADORO as branquinhas, pois gosto de CONTRASTE! Olha os seios dela....  

  Hummm... sem comentarios!!!!

 Gatinha essa... traços delicados, estilo dyke femme americana.... que boca linda, deliciosa!! 


Noss..essa é o q eu costumo chmar de "pseudo bofinha", tatoo, mas olha bem pro rosto dela: bem delicadinho, sobrancelhas nem finas nem grossas, ... curto bocas pequenas, delicadas, macias, saca? Ela remum rosto feminino, não parece em NADA com homem, só ta com os  braçso cruzados, mas a doçura a q me refiro está no semblante.  

 Ah essa é bonita tb. 




Curto essas q dá pra ver q  é  mina! Me dá  o maior tesão só de pensar em um delicioso beijo de lingua com cada uma delas!

Espelho espelho meu ...





Vc se acha bonita?

Ta mais do que comprovado que as mulheres seja qual for sua sexualidade se preocupam excessivamente com a aparencia, é fato.  A maioria fica preocupada se esta mais gordinha, se esta feia, ou com o cabelo desarrumado. Em consequencia disso, algumas ficam com medo de  se mostrar para as demais , principalmente quando o contato se iniciou no virtual, então sentem necessidade ou de aumentar ou mentir sobre a aparencia pra satisfazer o gosto da outra, por medo de ser rejeitada.  Bom, ai vao algumas dicas que eu espero que possam  ajudar.


Bom tente ser o mais natural possivel, tanto na conversa como nas atitudes. Ha mulheres que se sentem  fisgadas pelo papo e pela personalidade, depois pela aparencia, ou pode ser o inverso, mas olham o conteudo como um todo.

Se tem algo q vc nao curte em vc,  tudo bem nao precisa mentir sobre a aparencia. Tente se produzir mais,  dependendo da pessoa com quem vc estiver falando, tente a sinceridade, diga como vc é e  conforme for pegando intimidade, de  o maximo de detalhes possiveis sobre suas caracteristicas,  caso sinta que a pessoa te  faça sentir a vontade, assim a pessoa ja tem uma boa noção de como vc é, nao vai  haver surpresas estranhas.

Bom se acha q esta gorda, tente roupas confortaveis que disfarcem a barriguinha. Não precisa se submeter a algo que acha muito complicado, como tratamentos de estetica que mais parecem uma sessão de tortura,  faça improvisos. Se acha q esta magra ou é muito baixinha, use roupas que  valorizem suas curvas.
Quer conquistar  uma lady e ela fica com bofinho? Se vc for flex pra ti nao sera muito sacrificio usar um boné, bermudas e camiseta ou baby look, ja q vc esta acostumada e continua sendo vc. Quer uma bofinha? Hum simples, não precisa virar uma barbie, mas um look um pouquinho mais feminino vai te deixar  uma graça de mulher!  Olha, eu curto brinco, mas não muito grande pq sou baixinha, não ficaria bom, mas procuro  usar o q gosto. Se vc nao é fã de maquiagem, bom, eu opto pelo gloss e um batom cor de boca ou tons acobreados  e terra  (sou negra). 

Não procure pessoas em chats que vc  não possa ver a pessoa. Geralmente essas pessoas estão mais voltadas  para segundas intenções mesmo e vão se guiar pela sua aparencia q é a unica a referencia  que elas tem de vc.  Geralmente quando não gostam ja bloqueiam, nem se preocupam em tentar manter uma amizade.

Depois lembre se que beleza é algo relativo, a atração varia de pessoa pra pessoa. Tem gente q se sente atraida das partes para o todo (alguma parte do corpo fez vc sentir tesão ou atração fisica  pela pessoa) e ai se curtir o papo tá completo, ou do todo para as partes (olha o intelecto, os gostos e depois a aparencia fisica).

Seja autentica, seja  vc mesma.  Ao falar, tente emanar boas vibrações, isso ja faz com que  sua beleza seja transparecida.

Pense o seguinte: mulher se arruma pra mulher, nem todas vão só  ou mais pela beleza.  Mulher tem uma certa sensibilidade e  olha o conjunto da obra e o carater tambem é tudo.


Toda mulher tem uma beleza interior e exterior. Bom se acha que beleza nao  é o seu forte, tente mostrar algum dote que vc tenha, tente sobressair se com outras armas para seduzir. Aato  confiança ajuda bastante,  transmite segurança, aquela coisa do “eu sou mais eu e ng tem nada com isso”.
Nao se prenda a pequenos detalhes, deixe tudo fluir naturalmente. Lembre-se de que ninguém é perfeito! Mostre se carinhosa, carismatica, bem humorada, isso tambem é parte da conquista, seja transparente. 

Se a pessoa ja te achou bonita de alguma forma, já é meio caminho andado, fica ainda mais facil conquista-la. Solte o cabelo, de uma mudada no visual de vez em quando, procure se mostrar excentrica, que  tem  um algo a mais que a diferencie das demais, procure ser alguem fora da rotina dela, isso com ctz vai chamar a atenção dela.   

Mostre que vc nao é simplesmente  a “carne nova” do pedaço, mostre q tem qualidades. Fale dos seus gostos, varie assuntos, procure criar uma conexão de  quimica corporal entre gestos  e palavras de sedução. 
Bem espero que a dicas tenham funcionado, tente pelo menos. O importante é se gostar e ir em busca de alguem q te compreenda e te aceite e valorize como vc é. 

Dicas para essas que se prendem  a pequenos detalhes 




Bom, se vc gostou da pessoa de primeira e por inteiro, não vá deixa-la de lado só por causa de defeitinhos né? Afinal, uma estria aqui ou ali quase todo mundo tem.

Se ela curtiu vc e vc gostou disso é pq algo nela te chamou atenção. Tente dar a chance a ela de se mostrar pra vc.  Se vc gostou, a menos que algo nela te incomode muito,  tente conhece-la melhor, quem sabe ela não seja o q vc procura.

Como uma lésbica se veste?

Procurei sites que falassem sobre isso, mas não encontrei nenhum, então vou falar por mim!!!! Normalmente uma lésbica tem um jeito proprio de se vestir, e  alguns acessorios são bastante comuns entre elas. São eles:


- óculos s de sol (mesmo fora de hora, é stylish saca??); 
- piercings (espeialmente nos labios, queixo e lingua ) e tatoos;
- alargadores;
- cinto de rebite

Agora o estilo de roupas:

- jeans desbotado ou não;
- bermudas;
- boné (algumas ladies tb usam, mas pra frente);
- anel no dedão;
- all star (dizem q toda populaçao GLBT usa e tem pelo emnos um par. Bom eu adorooo);
- cuecas femininas;
- baby look ou camiseta de banda, personagens,  time de futebol ou filme. 


E você? Qual seu estilo?

Como contar aos pais?


Tem certas coisas q são complicadas de se dizer aos pais nao é mesmo? Ainda mais quando se trata de sexualidade. Pense na seguinte  cena:  vc é uma criança e começa a perguntar aos seus pais “como eu nasci?” tem que partir de um princiío pra explicar algo que na hora os pais por achar que uma criança tao inocente não deve saber de certos detalhes  vao ficar inibidos. Bom, a mesma coisa a gente, só q ai é o contrario. Como explicar para os pais variações da sexualdiade e certos assuntos que estão incluidos nela? Sua mãe pode chegar e perguntar “o que é tribadismo?” vc vai querer explicar? Kkkkkkkkkk bom se nao esta preparada pra dar certos detalehs e entrar em certos méritos, nao se exponha tanto quando estiver conversando com alguma amiga sobre isso.
Mas a questão é: vc não precisa dar uma aula, só se vc quiser. Para se assumir homo ou bi, basta tentar esperar um momento onde ou o pai ou a mae estejam de boa ou estejam mesmo tentando especular pra descobrir alguma coisa desse tipo. Eu sugeriria dar indiretas, aos poucos, eu particularmente faço isso. Ou se vc estiver afim de “uma pessoa” va comentando sutilmente como se quisesse  desabafar. É que tambem tem coisas q nao adianta dizer pq seus pais na ovao conseguir te ajudar, por exemplo, falar de amores nao correspondidos. Mas se tua mae perceber que algo esta acontecendo e perguntar: “filha, tã tudo bem?” num impulso vc pode dizer: “é que estou muito apaixonada por ELA!” ou ficar comentando sobre a fulana algumas vezes ao dia.    Não precisa disfarçar com a seguinte frase “ me passa o sal?” tudo junto rsr! Se sua mae insistir muito, vc fala, eu ja fiz isso. Muitas vzs quero falar, mas por achar que ão vai adiantar eu nem falo nada, se é algo q eu preciso resolver prefiro nao envolve-la.

Um momento muito bom para contar é quando vc esta vivendo um relacionamento estavel, ou quando vc sabe o q esta sentindo. Bom, eu apresentaria minha namorada a minha mae, se eu não quisesse dizer com todas as letras “mãe fulana é minha namorada” eu apenas ia estar de mãos dadas e dizer o nome dela, pra bom entendedor meia palavra ou atitude basta, seria meio obvio já né.   Ah eu acho ue a dica é ser natural, se sente vontade de desabafar sobre seus sentimentos, faça-o. Eu ja fiz e me senti bem... indireta éa melhor maneira. Voce pode deixar ‘escapulir’ fotos ou sites lesbicos e ver se ela vai olhar, sim pq eu sei q mae adora dar aquela olhadela... quem procura acha!  Não acho legal usar um modo drastico, tipo “mãe, gosto de buceta, adoro chupar uma xoxota gostosa” aff, pensa na cara da véia kkk! Basta ser sutil, diga apenas “mae, to gostsndo/ curtindo uma menina e não quero só  amizade dela, gosto dela de verdade” se vc prefere dizer sou lesbica, diga. Se achar tambem q melhor deixar em off, deixe. O importante é dizer no momento  em que vc se sinta preparada pra isso. Pq não tenta compartilhar um filme do genero com ela e veja como ela reagirá (só faça se vir que é possivel).   A minha mae sabe de algumas páixões q tive, ja mostrei foto, meu pai foi o pimeiro a me chamar pra uma parada gay entao não tenho muitos problemas  com isso. Eu demosntro por meio de brincadeiras, comentarios camuflados, e ele nao é beta, saca e se finge de tonto ou as vzs brinca e curte como querendo dizer “relaxa, eu entendo” . e de boa, até me da dica de filme rs. Adorooooo! Eu não preciso dizer o q tenho vontade e o que faço com uma menina,   isso não vem ao caso.  Acho que tentar respeitar e aceitar é o minimo, até porque os pais tambem  as vezes  tomam  rumos diferentes em suas vidas, tipo um 2º casamento, ou seja, outra pessoa q vivera ou com seu pai ou com sua mae e vc terá q conviver com ela com o passar dos anos. Sua namorada não precisa conviver com eles debaixo do mesmo teto, ainda mais se vcs  forem se  casar.   Mas me  refiro a aceitação, eu aceitei (ja mais velha) quando meus pais se separaram depois pq vi  q era o melhor pra eles, q os casias não sao iguais e não sao obrigados a ficar juntos quando algo não vai bem e a vida deles nao tem o porque interferir na minha. Só se colocar no lugar de um e outro, é a mesma coisa e é um otimo argumernto pra faze-los pensar.  

Vc  já  se assumiu para seus pais? Pensa em fazer isso? Pra quem ja o fez, como foi ou como tem sido?  Pra quem  tiver dificuldades, tente apresentar a eles o GPH (Grupo de Pais de Homossexuais) administrado por Edith Modesto, eles fazem reuniões com os filhos e com os pais, o link tá nos sites recomendados do blog, ou joguem no google. 

Além do GPH,  tem  um link do PFLAG q é a mesma coisa, só q em ingles, pra quem  consegue entender ou tiver curiosidade em olhar. http://community.pflag.org/Page.aspx?pid=194&srcid=-2

 Os livros de Edith Modesto

Vidas em Arco Iris 

 

 







Mãe Sempre sabe?
Link da americanas.com


Alguns videos sobre descoberta da homossexualidade

Como eu me descobri

 
Como alguem se descobre bi ou homo é algo relativo, cada caso é um caso, embora haja semelhanças quase que unanimes.   A maioria é por meio de indicios na infancia ou ao longo da vida, é um processo que ocorre por meio de experiencias e de sentimentos.Claro que vc não precisa descobrir forçosamente só depois que faz, o experimentar só confirma algo q já se suspeitava e já se sentia. Na verdade  acho que muitas já  sabiam antes, é algo q vc sente que existe dentro de ti, conscientemente ou não.   Não sei se há uma escolha consciente, mas acho que essa escolha é uma decisão em experimentar e viver algo q vc sente vontade de fazer.  talvez seja algo que sempre esteve dentro de vc, e só aflora alguns anos mais tarde, depois de um sentimento mais concreto. Na verdade acho que não ha coinscidencias na descoberta da sexualidade, varios fatores combinados dão origem a ela, vão do genetico aos social, biologico e até psicologico.    Eu vou tentar enumerar alguns supostos indicios pra ver se consigo resumir, eu sei que escrevo demais. Vou tentar uma retrospectiva.

- apesar de que tive algumas bonecas, sempre gostei de alguns brinquedos de menino. Não jogava futebol (hoje em dia eu acompanho mais), mas curtia bonecos de ação  (tipo he man, thundercats, tartarugas ninja) e sim, cheguei a brincar de carrinho, autorama, até tive umas miniaturas de onibus e MUUUUITOOO video game (isso até hoje eu adorooooo) principalmente jogos de luta, corrida e tiro e ja percebi que muita lesbica tb manja disso. Jogava mais  com meu pai, mas cheguei a jogar com uns muleques q eram meus vizinhos.

- mais ou menos com uns 7 anos, lembro que algumas cenas de mulheres nuas em filmes de comedia dos anos 80 me chamaram atenção;
 - não sei se é indicio, mas  SEMPRE ‘cismava’ com alguma professora e aos sete anos adorava uma profa de artes... sei la, eu sempre pensava nela, e acho que uma vez tentei escrever um bilhetinho pra ela;
- nao quis fazer balé...aos 4 anos tinha aulas de judo
- de vez em quando em apegava a algumas atrizes, e curiosamente atrizes  que aos olhos de algumas pessoas parecem ser do babado (pelo menos pra mim levam jeito). Era louca pela Renata Sorrah, ja ouvi dizer q ela seja lesbica, e deve ser  mesmo, ja ouvi dizer  ela ja namorou a Betania rs

- a partir dos 11 anos, sempre q caia uma playboy na minha mao eu tinha que ir la olhar e o q eu via me agradava ....

- senti vontade de andar de kart e skate por volta de 2002 e 2003 e ainda curto

- sempre curti usar acessorios que meu pai usava, tipo boné, relogio, chinelo.. sei la, achava bonito, nao pensava se ficava masculino em mim, achava q combinava e pronto.

- aos 16 anos escrevi meu primeiro comto lesbico, não publiquei, o fiz por hobby.  Enfim, descrever uma relação sexual entre duas mulheres me deu uma satisfação tão grande.... era bom imaginar aquilo acontecendo, me dava tesão...

- cheguei a ver alguns filmes em que duas mulheres se tocavam antes mesmo de começar a escrever sobre o assunto, e sim, me excitava com aquilo... a ponto de me tocar ...  achava o maximo o modo como se tocavam,como ficavam juntas. Alguns  filmes gays me cairam como uma luva, ou seja, nao os procurei, eles vieram até mim.

- bom me mantive escrevendo as estorias até  começar a  sentir vontade de beijar meninas  e perceber conscientemente  que o corpo feminino sempre me deu e me dá prazer. Olha sempre fui louca por peitos (minha mae disse q mamei por uns dois anos, tinha q mandar parar, agora eu entendi tudo o pq disso kkkkkkk eu hein ?! ) 

- nao curtia muito os papinhos das meninas aff aquelas revistas idiotas de capricho, atrevida, li por um tempo, mas me enchi facil! Tenho nojo hoje em dia!



- é fiquei com alguns garotos, mas nao foi la essas coisas. Nao me sentia  muito bem...  comecei a questionar  e  passou pela minha cabeça que mulheres sçao bem mais carinhosas e mais  sensiveis, se entregam mais (isso tudo  unido ao tesão evidente q eu ja sentia pelo corpo feminino) .. enfim, comecei a buscar algo q me fizesse me sentir mais completa, com mais igualdade, sei la

 - comecei a frequentar o meio gls depois que beijei uma menina, e olha, me sinto muito melhor no meio gay, me identifico com o maximo de coisas. Depois do beijo, apesar de nao ter me apaixonado, senti uma satisfação, ua sensação de realização, me senti diferente, vi uma outra possibilidade, e dai em diante queria outras experiencias , e percebi que alguns outros tipos de  garotas me atraiam. Sempre sonho com elas.

 - em 2001  sonhei que beijava uma garota de cabelos curtinhos,  foi bom, a sensação de um beijo de verdade. 

- em 2004 comecei a ter  muuuitas fantasias sexuais com uma atriz.. eu pensava nela, nao apenas como a personagem ou atriz, pensava nela como mulher... como a MINHA mulher!

 - aos 24 anos 2006) me percebi perdidamente apaixonada por uma  garota, a primeira da minha vida. Me dava satisfação ao me lembrar de quando acariciei  seu rosto, toquei suas maos... tinha certeza do que eu queria e sentia.  De  dois em dois anos a historia se repete, mas agora nao ta mais tendo estes ‘intervalos’. Fui percebendo o q elas significaram pra mim, grandes amores, apesar de nao ter podido viver todos. Sim, uma delas eu amei demais ...foi a que percebi que  senti algo enquanto dançava com ela  e sentia ela me abraçando e sentia o corpo dela no meu ...

Enfim, tudo pode começar ou na infancia, ou depois de uma experiencia, ou seja, o primeiro beijo em uma garota.  Pode ser em meio a uma brincadeira, ou a uma suposta curiosidade de experimentar.  Por algum motivo ou não algumas meninas sentem essa vontade ou impulso, ou o que vcs quiserem chamar e acabam de repente descobrindo um novo horizonte. Voce beija, ou se apaixona, vc ve que  é algo diferente,  tem um algo a  mais , um toque diferente, algo delicado, terno, intenso, carinhoso, excitante,  calmo e verdadeiro. É muito gostoso tocar e  sentir  a pele e o corpo de outra garota.   Ai vc percebe que não é mais a mesma a partir de  então   ... sabe pq ? pq vc quer REPETIR! Ainda mais depois que se ve gamada em uma! É uma necessidade que seu  corpo tem.  Ser lesbica não é ser diferente, é apenas uma outra forma de  AMAR.  É um amor natural, só q por alguem do mesmo sexo.
Só digo uma coisa: sentimento é sentimento, não importa de onde ele surge ou como começa, ele apenas é e existe! Quando vc ve, ja esta completamente  envolvida, dominada! Tudo que vc quer e tem em mente  é que vc quer estar com ela e mais ninguem;  quando  vc esta apaixonada por alguem do mesmo sexo é algo  forte, que fica marcado em sua pele, como uma tatuagem, ng pode tirar de ti, nem vc quer isso, vc  só quer que ela goste de ti, mais  do que ela gosta das outras pessoas, só existe ela pra vc. Vc só consegue se imaginar ao lado dela, te dando carinho e dando carinho a ela,  quer  sentir o beijo dela .... é algo intenso,gostoso,  e dói demais quando vc não é correspondida ou não pode te-la, nem toca-la.  Fica  um vazio, um buraco, um aperto aqui dentro do coração... e vc só tem uma certeza: q quer faze-la feliz e se a tem ao seu lado q vc será a mulher mais feliz do mundo, sensação de completude.   Esse sentimento de paixão  se repete e com cada pessoa é de um jeito, mas começa da mesma maneira e vc se acostuma a ele, já sabe identificar quando está se apaixonando ou já esta apaixonada por uma garota.   Só sei que é a coisa mais linda que vc pode sentir por alguem, só é ruim quando a mina não te quer .  Não sei se só se ama uma vez na vida, acho que o primeiro amor deixa uma profunda  marca dentro de vc, e acho q vc pode repetir paixões. Acho possivel sim viver outros amores, todos vc cre que sejam o amor da sua vida, mas alguns vem e vão, e outros  vieram pra ficar dentro ou fora de sua vida.

 Sim, eu sou romantica, algum problema?

sexta-feira, 17 de junho de 2011

IX Caminhada Lésbica de São Paulo e III Jornada Lésbica-Feminista 2011



Acontece neste sabado 25 de junho, véspera da Parada em SP.  
Neste ano, o tema da manifestação será "Liberdade, Saúde e Autonomia - Conquistar Direitos todo dia!”

Com a proximidade da 15ª Parada Gay de São Paulo, que acontece no dia 26 deste mês, já foram divulgadas pela Liga Brasileira de Lésbicas (LBL) a programação da 3ª Jornada Lésbica Feminista.

Dentro da programação, ganha destaca a “Caminhada Lésbica”, que está em sua 9ª edição e tem como tema “Liberdade, Saúde e Autonomia - Conquistar Direitos todo dia!” Marcada para às 12h do dia 25, a concentração do evento acontece na praça Praça Osvaldo Cruz, início da Av. Paulista.

Confira abaixo o restante da programação, que envolve debates, oficinas e filmes com temática lésbica.

18/06 – (sábado)
18h - Cine Lés – auditório do CRP-SP (Rua Arruda Alvim, 89 – próximo ao metrô Clínicas)

Filme: Bandaged

Sinopse: Lucille vive com seu pai dominador e a tia avó numa mansão sombria e isolada. Ela está prestes a completar 18 anos e sonha entrar na Universidade para estudar poesia, mas seu pai, um notório cirurgião, insiste que ela deve estudar ciências. Sentindo que não há escapatória Lucille tenta suicídio. Ela sobrevive mas sofre graves queimaduras no rosto.
Para cuidar de Lucille seu pai contrata a enfermeira Joan, uma mulher com um passado misterioso. As duas se envolvem romanticamente enquanto as ataduras são retiradas do rosto da jovem.

Direção: Maria BeattyElenco: Janna Lisa Dombrowsky, Susanne Sachsse, Hans Piesbergen, Martine Erhel.

21/06 (terça)
18h - abertura dos debates da 3ª Jornada Lésbica-Feminista– auditório do CRP-SP (Rua Arruda Alvim, 89 – próximo ao metrô Clínicas)

Diálogo: Educação Inclusiva, não sexista, não racista, não lesbofóbica

22/06 (quarta)
14h - oficina de Imagem e Som (criação de tambores, produção de pirulitos, faixas etc) (Rua Arruda Alvim, 89 – próximo ao metrô Clínicas)

18h - Roda de Conversa sobre Lesbianidades e Etnias (Rua Arruda Alvim, 89 – próximo ao metrô Clínicas)

23/06 (quinta)
9h30 - Roda de Conversa sobre Saúde Lésbica (participação da representação LGBT no Conselho Nacional de Saúde, Ministério da Saúde, CRT/AIDS-SP, CRP-SP, pesquisadoras sobre saúde lésbica) - Rua Arruda Alvim, 89 – próximo ao metrô Clínicas

24/06 (sexta)
18h - Cinelés – auditório do CRP-SP (Rua Arruda Alvim, 89 – próximo ao metrô Clínicas)
Filme: Elena Undone

Sinopse: Elena e Peyton são mulheres muito diferentes. Elena é a dedicada esposa de um pastor, Peyton é uma escritora assumidamente lésbica. Os caminhos delas se cruzam e o que começa com uma amizade logo vira uma avassaladora paixão.

Direção: Nicole ConnElenco: Necar Zadegan e Traci Dinwiddie

25/06 - sábado da 9ª CAMINHADA LÉSBICA-FEMINISTA
)

12h – concentração – Praça Osvaldo Cruz, início da Av. Paulista

14h – 9ª Caminhada de Lésbicas e Bissexuais de São Paulo

16h – Encerramento com shows

Fonte:  http://dykerama.uol.com.br/src/?mI=5&cID=23&iID=3486

terça-feira, 14 de junho de 2011

Vetado o Kit anti- homofobia

Fiquei um bocado insatisfeita com essa atitude da presidente Dilma, com certeza foi culpa do Bostonaro.. ops Bolsonaro!!!!  Eu assisti a quqse toso (ou todos) os videos pelo youtube, e não vi nenhum tipo de imagem agressiva ou ofensivao u achei impró´rio. Acho q foi  mais facil julgar sem conhecer. Eram apenas desenhos e estorias inofensivas mostrando como alguem se descobre, como é o cotidiano dessas pesoas e o preconceito que sofre, não continha nem imagens de sexo, como que alguem pode achar que uma criança vai ser influenciada? Sexualidade esta dentro de nós, ninguem a influencia, se a pessoa foi atras de experimentar ou desscobrir, foi tão somente uma decisão DA PESSOA, de mais ninguem!!!! Eu vou postr aqui os videos, vejam e tirem suas proprias conclusoes. 



"Probabilidade" (aborda o tema da bissexualidade)


"Torpedo" (sobre duas garotas que estão  juntas e decidem enfrentar o preconceito)



"Encontrando Bianca" (um travesti que deseja ser chamado por seu nome feminino)


"Medo de que parte 1?"  (rapaz que se descobre gay e sente o peso dos olhares maldosos da sociedade)


Segunda parte do video "Medo de que?" Eu juro que não vi problema nenhum, tá até engraçado, eles falam num outro "idioma" kkkkkkk



Enfim, inventaram um tal de "Boneca na  mochila " que não esta muito claro, então nem coloquei!!! Mas enfim, não sie o q elas querem, o q teria q ser feito para que nã ofosse considerado algo "improprio" . Na minha opinião, puro preconceito. Não se tratar de querermos obrigar alguem aceitar, só queremos RESPEITO! Segue o link com uma petição Online pra recorrercontra essa proibição, faça sua parte.  


Escola sem homofobia- vamso evitar o retroceso
http://www.petitiononline.com/2667a839

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Relacionamento a distancia/ namoro virtual





Seja  para  amizade, seja  para  namoro, para algumas dá certo, para outras é dor de cabeça na certa. A questão distancia é relativa, ela pode ajudar como também pode atrapalhar. Na verdade não é algo impossivel, desde que ambas as partes  ou pelo menos uma delas tenha disponibilidade, grana  e tempo para ir ao encontro da outra digamos, periodicamente. Muitas meninas de Estados diferentes namoram,  e a falta de tempo (quando ambas trabalham e estudam) acaba restringido o contato ao msn e orkut,o ciumes,   a angustia  pela falta de tato e saudade costumam apertar ainda mais, mesmo assim nao deixa de ser bom quano existe um retorno da pessoa.  E quando o relacionamento fica muito virtual, mais do que real?

  O virtual dá uma certa segurança, pois a pessoa imagina que não precisa dar satisfações como teria que ser no real, e passa a idealizar ainda mais a pessoa com quem conversa. Mas convenhamos, vc não quer que fique só nisso, nao é? Se é compromisso e envolvimento que vc quer, tem que ir atrás! O ideal seria tentar equilibrar. Quando as duas pessoas estão se  conhecendo se fica muito só no virtual, tende a se desgastar e a se tornar algo superficial pq nao se forma um vinculo mais solido e corre o risco de o contato se perder.  Precisa haver dedicação de ambas as partes para que isso nao ocorra. No entanto nao é difciil seapaixonar e se  apegar a alguém mesmo no virtual, mas sempre acontece isso mais com um lado do que com o outro.  Seria legal uma boa conversa e ver  a disponibilidade de ambas, mas nao deixar de tentar um contato real; o contato fisico, o olho no olho, o toque, e o abraço  sao importantes, a pele na pele, isso tudo faz com que se forme uma conexão mais intensa e passa a ser  muito mais gostoso, prazeroso,  mais sincero e verdadeiro. Se a sintonia de vcs for mútua, ela será completa tanto no real como no virtual! em outras palavras, se vc gostar de primeira da pessoa no virtual, no real costuma ser melhor! Já pensou em tentar o modo tradicional de comunicação? Cartas, isso mesmo! Assim também  é uma forma de vc conhecer a letra da psesoa e sai um pouco daquela coisa fria e metódica  do pc. Essa dica vale pra depois de alguns meses de contato, e talvez depois de algum encontro, pois envolve o endereço de sua residencia.Conversa por voz também é uma boa pedida, vc pode usar um microfone se não tiver condições de fazer interurbanos com frequencia.  O contato por voz te ajuda a perceber mais a essencia da pessoa, fato. No começo vc pode até estranhar falar com ela por telefone ou algo do tipo, mas logo vai se acostumar pq se vc gostou dela nada a impede de continuar, melhor do que ficar naquela incógnita e ansiedade. É normal que vc estranhe um pouco, afinal vc não a ve, não a ouve, nem convive, mas só o fato de encontrar se com ela, poder ve-la, tocar, conversar, parece que o vinculo realmente ressurge, pq vc vai se lembrando de tudo que costumava partilhar com ela, só que meio no escuro, e vc poderá acha-la ainda nais bonita q no virtual. Quando vc volta pra casa se lembra do rosto da pessoa e dos momentos que passou, e as palavras dela passam a fazer mais sentido e o contato também.  O começo de tudo é bom, mas o tato real é melhor ainda,vc ve a pessoa como um todo! 

Se vc vive ou ja viveu um relacionamento a distancia e deu certo, conte-nos, será legal acompanhar sua historia no blog, vc  pode dar  dicas e conselhos as outras q vivem essa situação.  





Separei alguns depoimentos de meninas de uma comunidade, por enquanto não vou revelar os nomes, só as iniciais, mas achei interessantes e por isso vou publicar. 

"Bom, se eu disser que não vale a pena... vou estar dando um tiro no pé!
Pra mim era impensável algo do tipo... mas o que fazer se fui surpreendida por uma pequena incrivel???
Difícil é... muito... são muitas emoções ao mesmo tempo, vc se sente confusa, insegura, até desesperada as vezes, mas basta a voz dela, o carinho, a paciência e pronto! vc tem certeza absoluta que não existe problema algum!
Eu digo por experiência que existem tantos casais na mesma casa que não se tocam, não se importam, são indiferentes... e pessoas com quem vc convive todos os dias q não mudam nada na sua vida!
E de repente alguém tão longe, faz tudo ter sentido pra você! Te ajuda, se preocupa, sabe como te acalmar, aconselha com sensatez, tira os seus pés do chão e ao mesmo tempo te dá um norte!
Eu acho que vale a pena se as duas estao dispostas e enfrentar, se tudo é compartilhado e decidido juntas! Se vc se sente acolhida, amada e feliz!
Para relacionar-se não há regras... acho q temos que estar satisfeitas com as nossas escolhas...
Toda pessoa tem um limite e as relações avançam ou acabam de acordo com isso... se seu prazo é muito diferente do da pessoa que vc está, talvez isso seja um conflito imenso, mas pode não ser se ambas estiverem dispostas a ceder!
Afinidades e incompatibilidades são do tamanho que a gente fizer! ;)"   D.M.



"Acho interessante.

Putz, eu acho mt válido e até interessante. Nunca namorei à distância mas comparando com amigos virtuais que depois conheci é interessante do ponto de vista que pela internet vc têm coragem de falar coisas bem profundas que pessoalmente talvez não teria. Uma das coisas que é eliminada é a reação da pessoa qnd vc se abre. Vc está tentando dizer algo que pra vc é dificil e uma simples expressão corporal te impede de terminar.


Bom, todas as minhas experiências de amizades virtuais foram ótimas e melhor ainda foi depois conhecer a pessoa lembrando de td que já foi compartilhado." Liz



"Eu tive duas experiencia e a segunda que bem... eu sou do norte do pais, é muito longe mesmo, e eu minha namo (ainda acho que sim) estavamos bem, mas tivemso umas conversas decisivas...e agora estamos afastadas...mas eu acho que se as duas pessoas tem vontade supera sim.
a distancia ou pertinho...quando se ama, e se tem respeito vale a pena.
:) " Dana
"Eu já tive, foi super legal, válido e tal, mas hoje em dia não é mais pra mim... Nada como a pele, o cheiro, olho no olho...
Mas não vou dizer ' nunca "... vai saber, né." B.


"Eu tive uma experiência que foi linda, válida, de muitas alegrias mas de sofrimentos também.
Eu aqui no Brasil, ela nos Estados Unidos. Começou como uma troca de informações. Ela escritora, fazendo uma tese. Eu pedindo umas dicas para algo que estava escrevendo. Começou uma troca de emails interessante... nos descobrimos apaixonadas. Eram emails lindos, romanticos, ternos. Nos falávamos o tempo todo. Coisas cotidianas, como jantar, tentavamos fazer no mesmo horário, em frente a web cam, pra simular um cotidiano juntas. Foram muitos sonhos, planos, até a loucura de querer deixar minha vida, minha carreira, minha família no Brasil e me mandar pra Boston, pra ficar com ela. Mas antes de eu ir, ela veio ao Brasil... nos encontramos, apaixonadas e num final de semana maravilhoso, descobrimos que nao tinha nada a ver...rs... Meu passaporte continua sem carimbo.... e vai vencer kkkkk
Sabe.. acredito que passamos do ponto... tinhamos que ter nos conhecido pessoalmente logo, e não fantasiado tanto. A realidade nos matou, não a distancia....
Hoje em dia o meu amor mora ha 10 minutos distante de mim... e eu ando querendo encurtar essa distância...
Mas acredito no amor... mesmo que haja um oceano inteiro de distância... eu acredito no amor."
L.

"Funciona...quando as 2 pessoas estao em sintonias iguais,,,estao realmente embaladas pela paixao,pela conquista,conhecimento...e qrendo Amar mesmo que exista barreirras...

Funcionou comigo , durante quase 1 ano e foi construtivo*
Acabou pelo motivo obvio...( ciumes )..."Ossos do oficio "

Mas...posso dizer que valeu a pena e foi bom enquanto durou e depois que acabou,porque continuamos amigas *tinha que ser...sagitariana x escorpiana ..."
Dany



"É uma porra e eu evito" S.


"Não funciona !!!!" V.





Minha opinião mais uma vez: pelos comentarios ditos acima só comprova o q eu ja disse antes: se a sintonia for igual e houver dispoonibilidade funciona, o mesmo que uma das partes esteja disposta a transformar a situação... caso contrario para algumas parece ser mais um transtorno do que um prazer. Porém quando já ha um sentimento envolvido, ai a coisa complica, vc já esta envolvida, ai vale a pena tentar. Eu antes nem havia pensado nisso e achava que poderia ser um inferno... até acontcer comigo. Não tenho um relacionamento, mas apareceram duas pessoas que transformaram meu ano de 2011... uma delas mais ainda. Pelo menos ir conhecer não tem nada de mais, apesar de que claro, preferia que ela estivesse ao meu lado...  mas tambem vejamos o lado bom: vc pode conhecer e respirar novos ares, é a desculpa PERFEITA pra  viajar e sair da rotina! ó é ruim se ela enche sua cabeça dizendo que gosta de ti, mas sempre diz que não tem condições de vir ao seu encontro. Ela pode até estar dizendo a verdade, mas o fator distancia, quer queira queer não deixa um pouco essa duvida, o q vc faz? Observa as coisas q ela diz, observa atitudes ou possiveis mudanças no comportamrnto e no discurso dela. Pór isos q trazer o virtual pro real, o SAIR da "matrix" é miportante.   É sem duvidas, a maior prova de carinho e veracidade de seus sentimentos que vc pode dar, pensem nisso.      

Humor: Trotes da Sapathata

Porgrama da Rádio Metropolitana 98,5FM de São Paulo, onde a namorada sacaneia a namorada com a ajuda de Sapathata !!!! 




Obs: O objetivo deste pot não é incentivar ninguém a fazer isso,  é só  por descontração e pq eu quis dividir com vcs e vefr o q vcs acham... mas dá pra rir um pouquinho!!!!!!


Thamires & Cindy
Autora: Thamires
Vitmia: Cindy



Débora e Joana
Autora: Débora
Vitima:Joana


Fatima e Jo
Autora: Fatima
Vitima: Jo

Marisa e Flávia 
Autora: Marisa
Vitima: Flávia

Jessica e Kate 
Autora: Jessica
Viitima: Kate

Yáscara e Marilene
Autora: Marilene 
Vitima: Yáscara


Gabriela e Bruna
Autora: Gabriela 
Vitima: Bruna





E o que vc faria se sua namorada aprontasse uma dessas com vc?